Qual percentual ideal de gasto com folha de pagamento do faturamento da escola?

Avaliação do Usuário

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

É uma pergunta bem complexa, mas que não sai de uma linha geral em todos os tipos de instituições de ensino privado.

O gasto total com folha precisa ser calculado levanto em conta os encargos trabalhistas e outros gastos diretos com a mesma, entender apenas os salários brutos, sem somar direitos como 13º, férias, FGTS, e outros como aviso prévio, multa rescisória, PLR e tantos outros, torna a folha de pagamento a maior despesa de qualquer empresa, em qualquer segmento.

No caso das escolas particulares, temos um peso ainda maior neste quesito, onde a mão de obra é essencial para atividade, mas temos alguns números importantes:

Perceba que no exemplo acima, temos um número importante que retorna 20% a ser rateado entre lucro, inadimplência e investimentos.

Mas para ficar mais fácil a compreensão dos mantenedores sobre sua folha de pagamento, é preciso entender quanto custa antes dos encargos, dentro e fora do Simples Nacional, vejam:

Se sua folha de pagamento é muito acima dos 40% apenas na forma bruta, é preciso identificar as possibilidades, mas cuidado, não significa que é ela o problema, uma Consultoria Financeira na escola particular, a análise precisa ser feita para avaliar a situação, muitas vezes o erro está no preço defasado e não na folha em si.

Como são indicadores, trarei mais um indicador importante agora de quantidade de alunos por funcionário, mas chamando atenção para ser uma média, uma vez que isso varia muito conforme o público atendido e perfil econômico da escola.

ARTIGOS RELACIONADOS

Search